Você sabia que o sucesso de um evento está diretamente ligado ao empenho que a equipe de produção investe em fatores como planejamento, organização, divulgação, venda de ingressos e autoavaliação? Estes aspectos exigem foco no engajamento social do evento para que tudo saia como esperado.

Se o público não estiver interessado e com vontade de participar do evento que sua equipe está preparando, os seus resultados provavelmente serão comprometidos. A audiência precisa se envolver com seu evento antes mesmo dele ocorrer. Por isso, trouxemos 10 dicas de como melhorar o envolvimento do seu público. Confira!

A importância do engajamento social

Saber o grau de interação que o consumidor possui com sua marca é essencial, porque isso indica que ele tem vontade de ir ao seu evento por uma questão que vai além de satisfazer objetivos ou necessidades práticas: ele tem apreço pelo seu evento, e se envolve emocionalmente com ele.

Criar engajamento social significa que você conquistará seu cliente a ponto dele comparecer em seu evento, reconhecer que foi uma experiência incrível e recomendá-lo para outras pessoas, passando a credibilidade de que o investimento vale a pena. É o sonho de toda marca: criar o máximo de clientes fiéis.

A seguir, listamos os principais passos para gerar um engajamento social de sucesso para seu evento. Vale verificar em qual momento estas dicas podem ser utilizadas, se no pré, durante ou pós-evento para colocá-las em prática de maneira assertiva.

Pré-evento

1. Determine seu público

Adequar a linguagem para o público que você vai atingir é muito importante. A partir das características e das preferências das pessoas que você deseja prospectar, veja como a comunicação será feita. Determinar um perfil com características como faixa etária, renda média, locais que frequenta, redes sociais ou canais de comunicação que utiliza, hábitos e interesses que possui e quais tipos de eventos gosta de frequentar são ótimos pontos para determinar exatamente o público almejado.

Público não é a mesma coisa que persona. O público está ligado ao perfil geral das pessoas que consomem a marca, como informações sociais, econômicas e demográficas. Persona é quando se cria um perfil fictício baseado em como vive o cliente ideal de uma marca, imaginando, no caso, uma pessoa aleatória mas que é um possível comprador da marca.  

2. Divulgue seu evento

Vídeos, posts em redes sociais, envios de e-mail marketing, flyers, mensagens via WhatsApp ou SMS… na hora de divulgar seu evento, vale usar uma infinidade de formatos e peças publicitárias com conteúdos instigantes e que envolvem o seu público. É no momento de divulgação que você pode mostrar os principais atrativos do seu evento, além de data, local e venda de ingressos.

Muitos produtores de eventos gostam de produzir vídeos no estilo teaser para atrair a curiosidade do público. Usar trechos de atrações musicais, falas de palestrantes ou um compilado com os melhores momentos de edições passadas é uma forma de mostrar como a experiência será imperdível.

3. Esteja presente nas redes sociais

As mídias que seu público costuma acessar são os canais nos quais sua marca deve aparecer! Não importa qual delas, explore as ferramentas de cada plataforma para criar interações entre seu evento e seus possíveis clientes. Você pode fazer anúncios online, criar um evento de divulgação no Facebook, compartilhar os materiais de divulgação, publicar fotos e vídeos no Instagram Stories, fazer posts de contagem regressiva e avisar sobre a virada de lotes.

4. Realizar sorteios ou promoções

Sortear um par de ingressos ou brindes exclusivos ou até fazer uma promoção relâmpago com descontos imperdíveis pode ajudar a fisgar boa parte do público-alvo. Sem contar que esse tipo de ação também atinge novos participantes. Você pode também distribuir cortesias para parceiros, representantes ou influenciadores digitais.

#DicaSympla: Confira neste post como as cortesias podem ser uma poderosa ferramenta de marketing \o/

5. Converta leads com o e-mail marketing

Aqueles que se inscreveram na sua base de e-mails via formulários, newsletters e outras páginas de conversão são pessoas que se interessam pelo seu evento. Este público é naturalmente qualificado e já possui interesse em sua marca. Informar o início da venda de ingressos, quais são as principais atrações ou dar descontos exclusivos pode convencê-lo a querer ir em seu evento. Mesmo que essa comunicação seja automatizada, vale a pena buscar engajar estas pessoas para seu evento.

6. Se possível, invista em ações presenciais

Realize ações em locais estratégicos para envolver sua audiência. Se ela costuma frequentar bares, restaurantes, cinema, lojas, academias, casas de shows e outros lugares, marque presença nestes espaços! Brindes, panfletos, descontos exclusivos, presença de influenciadores interagindo com as pessoas e várias outras táticas são capazes de ganhar os clientes. Mas faça isso com criatividade e pertinência ao orçamento do evento: gastar além do proposto pelo planejamento financeiro pode ser arriscado.

Durante o evento

7. Crie envolvimento com os seguidores da página do evento

Além de fazer uma cobertura ao vivo, dependendo do tipo de evento (musical, gastronômico ou corporativo, por exemplo) é interessante interagir diretamente com os participantes. Seguir de volta nas redes sociais cada pessoa que segue a marca é o básico, interagir com eles durante o evento também vale a pena, seja para agradecer um elogio ou demonstrar que providências serão tomadas quanto a possíveis sugestões ou feedbacks negativos. Os clientes precisam se sentir ouvidos e respeitados.

No pós-evento

8. Crie e acompanhe as interações

Busque criar interações positivas com os seguidores. GIFs, posts interativos, vídeos, animações, fotos bem produzidas e vários outros tipos de conteúdos podem conquistar a atenção das pessoas. O seu evento já passou, mas sua marca continua planejamento novas edições – por isso, deixe claro que ela está ativa  e ligada nas tendências que o público curte. As ferramentas para engajamento e monitoramento otimizam a gestão diária das redes sociais. Aproveite para usá-las de maneira estratégica e saiba as menções que sua marca recebe ao longo do tempo, principalmente logo após o evento acontecer.

9. Honestidade e transparência sempre!

Quando você constrói uma amizade estas duas características são levadas em questão, certo? Com os clientes é a mesma coisa: mostre momentos e situações reais da sua marca! Por mais que pareça tentador inventar ou florear demais para chamar a atenção, não arrisque perder a credibilidade. Reforçamos que este passo vale para todo o ciclo de vida do seu evento, portanto também no pré e durante a produção.

10. Feedbacks existem para serem ouvidos

Elogios ou reclamações, mostre para seus clientes que você é uma marca aberta ao que eles têm a dizer. Seja espontâneo e transparente para não criar ruídos ou duplas interpretações na avaliação do público. Use sua sensibilidade para mostrar que os seguidores estão falando com outra pessoa, apesar de ser uma mensagem para uma marca. E lembre-se de ter humildade e saber reconhecer erros quando for necessário – pedidos de desculpas e agradecimentos geram empatia e harmonia.

Ao seguir estes dez passos principais, torcemos para que você consiga planejar uma linha de comunicação de sucesso para o engajamento social do seu evento. Não tenha medo de sonhar alto e arriscar! :)