A pandemia do coronavírus trouxe uma série de desafios para o mercado de eventos. Em meio ao lockdown e às indefinições em torno da vacinação, o setor foi bastante afetado ao longo da epidemia. Apesar disso, o ano de 2022 pode trazer um cenário renovado e promissor para os produtores de eventos.

Mas quais mudanças podem ser aguardadas para este ano? O que foi aprendido até agora? Neste texto, reunimos as principais tendências do mercado de eventos em 2022. Confira!

Tendências do mercado de eventos para 2022

De acordo com pesquisa realizada pela Associação Brasileira dos Produtores de Eventos (Abrape), em parceria com Ambev e Provokers, oito em cada dez brasileiros tinham interesse em frequentar eventos presenciais já em outubro de 2021, data na qual o estudo foi lançado.

Mas o fato é que o conceito de evento está mudando, e 2022 promete trazer uma série de experiências que comprovam isso. Quer conhecer as principais tendências para o ano da retomada?

1- O evento online segue como alternativa acessível

Por muito tempo, para produzir eventos, era necessário se preocupar com aluguel de espaço e infraestrutura. Não mais. Os últimos dois anos provaram que também é possível criar experiências além disso.

Os eventos online não ficarão para trás em 2022, sejam eles encontros corporativos, congressos acadêmicos e até eventos de entretenimento. Afinal, o fortalecimento do digital trouxe uma série de benefícios aos produtores e consumidores de maneira geral.

Vale lembrar que o evento online não é, necessariamente, um substituto para a produção presencial. Ao contrário, ele pode ser somado à experiência física, tornando-a ainda mais completa!

Benefícios para produtores de eventos:

  • é mais fácil capturar e analisar dados;
  • é possível alcançar participantes do mundo todo de uma só vez.

#DicaSympla: saiba como usar os dados a seu favor no texto Métricas para eventos: como mensurar?

Benefícios para consumidores:

  • não há gastos com deslocamento e estadia;
  • dá para participar de qualquer lugar do planeta;
  • é possível fazer networking e aprender sem sair de casa.

A moral da história? Deu match! O evento online continua sendo uma boa opção para produtores que têm prazos e recursos mais apertados ou buscam um alcance maior, e para consumidores que querem aprender e se conectar com pessoas, mas sem sair de casa.

#DicaSympla: Saiba mais sobre Ferramentas para eventos online.

2- Eventos híbridos: a bola da vez

O online veio para ficar, e não há dúvidas que os eventos presenciais ainda são os queridinhos de muitos produtores e consumidores. A resposta para esse impasse? O evento híbrido!

Os especialistas estão apostando suas fichas neste formato, que oferece o melhor dos dois mundos. A união entre o online e o presencial favorece uma maior identificação do participante com a marca do evento, e é possível até criar laços afetivos com a produção. Ao mesmo tempo, permite que um maior número de pessoas participe, onde quer que elas estejam.
Confira os benefícios:

Vantagens PRESENCIAL ONLINE HÍBRIDO
Alcance X X
Engajamento com o conteúdo X X
Networking X X
Ambiente para parcerias e novos negócios X X
Oportunidades de patrocínio/apoio X X


Em 2022, o setor de eventos será marcado pelo crescimento do formato híbrido, que não está restrito aos eventos corporativos. Qualquer produção pode apostar no formato para atrair maior número de pessoas e coletar mais informações. Confira as possibilidades:

  • conferências acadêmicas;
  • shows e festivais;
  • premiações;
  • lançamentos de produtos ou frentes de negócios;
  • feiras e convenções de vendas.
  • experiências de espiritualidade e lifestyle

#DicaSympla: Para alcançar o potencial máximo de um evento híbrido, é preciso divulgá-lo. Leia: 8 dicas de como divulgar um evento.

3- Eventos presenciais: protagonistas em 2022

O criador do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou que está mirando no metaverso. E a notícia trouxe novos contornos para a forma com a qual imaginamos as interações sociais no futuro.

Porém, mesmo com todos os avanços tecnológicos, não há nada que substitua o toque, o olho no olho. E, nesse aspecto, o evento presencial é inigualável!

É por isso que, depois de muita espera, o ano de 2022 será marcado pelo retorno das ações presenciais, sempre com respeito aos protocolos de segurança. Em entrevista ao UOL no último trimestre de 2021, o presidente da Abrape, Doreni Caramori Júnior, disse esperar que 100% da programação de eventos volte neste ano.

A força desse retorno se deve, em grande parte, à demanda reprimida. Há muito tempo em casa, as pessoas sentem saudades das grandes produções e anseiam por festas, shows e reuniões presenciais.

Neste tipo de evento, o participante está fora de casa, completamente imerso na experiência, compartilhando o momento com outras pessoas. Entre as principais vantagens dos eventos presenciais para quem os produz e quem participa, estão:

  • alto nível de engajamento dos consumidores com a produção ou os palestrantes;
  • ambiente propício para networking e conexões humanas;
  • maior nível de atenção ao que está acontecendo;
  • impacto causado pelos eventos presenciais em economias locais e pequenos negócios de diversos setores (como hotelaria, por exemplo).

4- Protocolos de saúde continuam essenciais em 2022

Ficou claro que os eventos presenciais estão voltando com tudo, não é? Mas a segurança e os protocolos de saúde não podem ficar para trás. Uma pesquisa realizada pela Abrape revelou que os eventos que exigem comprovantes de vacinação e/ou testes negativos e uso de máscaras têm a preferência do público. Para criar experiências seguras, os produtores de eventos precisarão se atentar a alguns detalhes. Confira essas dicas:

  • respeite o limite de pessoas do espaço;
  • faça a gestão do fluxo de entrada e saída do público;
  • crie um espaço seguro para alimentação e, se possível, prefira alimentos previamente embalados;
  • confira as condições de ventilação do local escolhido;
  • ainda é fundamental lembrar do álcool gel e das máscaras;
  • mais importante: se informe sobre a situação da pandemia por meio de fontes confiáveis e acompanhe todas as atualizações.

 

5- Sustentabilidade como tendência para o mercado de eventos

A sustentabilidade econômica, ambiental e social é uma demanda cada vez mais forte em todos os setores. Na área de eventos, não é diferente. Em 2022, mais do que nunca, será preciso pensar no impacto que a experiência promovida irá gerar no mundo e na vida das pessoas.

Confira as tendências do mercado de eventos para 2022 quando o assunto é sustentabilidade:

Sustentabilidade econômica

O setor de eventos foi diretamente afetado pela pandemia. O desafio dos profissionais da área, em 2022, será buscar caminhos para o desenvolvimento econômico apesar das restrições.

Simultaneamente, os produtores precisarão considerar o cenário de crise, oferecendo soluções sustentáveis para uma população com menor poder de compra.

De olho no meio ambiente

Como diversas outras categorias, a de eventos pode resultar em grandes impactos ambientais, e é cada vez mais urgente minimizar os danos causados. É por isso que a atenção ao nosso ecossistema é uma tendência forte para 2022.

Comprometidos com as causas ambientais, produtores de eventos devem começar pela escolha de fornecedores alinhados aos seus valores. Além disso, uma prática importante é a gestão de resíduos, usando materiais recicláveis e realizando a coleta seletiva.

Democratização de experiências

A disseminação do híbrido e do digital durante a pandemia serviu para provar que é possível levar entretenimento, cultura e conhecimento para pessoas que estão longe dos centros urbanos ou que não podem pagar o preço de uma megaprodução presencial.

É uma tendência para 2022 que peças de teatro, workshops, shows e cursos continuem ultrapassando as fronteiras e encontrando consumidores ávidos por experiências.

Resumo sobre as tendências do mercado de eventos para 2022:

Este será um ano e tanto para os produtores de eventos! Apesar de todos os desafios enfrentados até aqui, já é possível vislumbrar a recuperação do setor. E o melhor: com uma bagagem repleta de aprendizados valiosos.

Ao longo do texto, foi possível ver que, em 2022, os eventos presenciais serão os grandes protagonistas, reunindo pessoas que ansiavam por essa retomada há muito tempo! Esse retorno será acompanhado de protocolos de segurança, que continuam sendo fundamentais para qualquer produção. Eventos híbridos e online também prometem marcar presença nas agendas.

Neste ano, o produtor de eventos precisará ainda seguir se preocupando com a sustentabilidade de suas produções. Afinal, essa é uma demanda cada vez mais forte do consumidor.

Com todo o aprendizado sobre as tendências do mercado de eventos, os organizadores já podem se preparar para 2022. É hora de arregaçar as mangas e começar a planejar os eventos do ano! Saiba mais sobre o Planejamento estratégico para eventos: qual a importância e como fazer.