Toda empresa precisa de estratégias para manter seus funcionários. Além da retenção de talentos para a sua companhia, isso também impede que bons profissionais acabem indo trabalhar nas organizações concorrentes.

Sendo assim, acreditar no desenvolvimento dos funcionários é cada vez mais comum para as empresas, e como não é tarefa fácil ajudar no crescimento pessoal e profissional de uma pessoa, os cursos e workshops estão sendo mais utilizados a cada dia.

Contudo, o mais importante para a retenção de talentos é que estes se sintam valorizados e reconhecidos, o que torna os resultados da empresa ainda melhores.

No texto de hoje, você vai descobrir por que oferecer cursos e workshops internos pode te ajudar a reter os talentos da sua empresa. Isso é bastante importante para o desenvolvimento da organização, e algumas dicas podem ser colocadas em prática em curto prazo. Acompanhe!

O que é retenção de talentos?

Hoje em dia, os gestores já compreenderam que as pessoas são os bens mais importantes de todo processo de trabalho e, com isso, perceberam também que os colaboradores precisam de incentivo e motivação.

Retenção de talentos é um conjunto de estratégias praticadas por uma empresa para garantir o engajamento dos funcionários ativos por bastante tempo. Ou seja, é uma forma de impedir que os principais colaboradores se demitam e partam, principalmente, para os concorrentes. Essa é também uma maneira de criar diferencial competitivo no mercado.

Os planos de retenção de talentos já são colocados em prática na maioria das empresas ao redor do mundo. Essas estratégias, inclusive, cabem em qualquer organização, desde as microempresas até as principais marcas. Sem garantir os bons colaboradores, a entidade corre o risco de ser deixada para trás e acabar entrando em crise por falta de pessoas qualificadas.

Saber como administrar e conquistar pessoas também é importante para limitar gastos que, muitas vezes, são desnecessários — toda demissão e contratação provoca custos. A retenção de talentos, portanto, ainda ajuda a reduzir o turnover, ou seja, a entrada e saída de pessoas de uma organização em um determinado período.

Quais os benefícios de reter talentos?

Hoje em dia, os profissionais já não sentem necessidade de construir toda a carreira em uma mesma empresa. Por isso, as organizações precisam se esforçar para garantir a permanência dos bons colaboradores. Como você deve saber, encontrar e manter funcionários qualificados parece estar cada vez mais difícil.

Portanto, os principais benefícios que essas estratégias podem trazer são colaboradores motivados e engajados, mais qualidade no serviço prestado, maior concorrência frente ao mercado e economia — de tempo e dinheiro. Conheça agora algumas formas de reter os talentos de uma empresa.

Como reter os talentos da minha empresa?

Antes de qualquer coisa, toda empresa precisa de indicadores de gestão de pessoas. Ou seja, você tem que saber como estão os funcionários de sua organização, se estão satisfeitos, se são fiéis ao trabalho, se os processos seletivos estão encontrando os melhores candidatos e muito mais.

A partir dessas informações, conhecendo a experiência dos colaboradores, fica mais fácil desenvolver estratégias de retenção de talentos.

Investir em capacitação

Uma das principais formas de reter seus bons funcionários é investindo em capacitação. Os cursos e workshops internos fazem com que os colaboradores se sintam apoiados e motivados, uma vez que fica claro que a empresa de fato se preocupa com os conhecimentos de cada um. E, após estar mais capacitado e estimulado, o funcionário sentirá que deve colaborar ainda mais com o trabalho.

Além disso, um profissional capacitado pode trazer outros benefícios à empresa. Ele estará apto a encarar novos desafios e dificuldades, além de estar atualizado com as práticas e equipamentos mais recentes do mercado. Contudo, é importante selecionar os treinamentos mais adequados e, é claro, quais os profissionais que vão passar por eles, para que nenhum investimento seja feito em vão.

Sendo assim, não vale a pena gastar com um curso que não agregará nada a determinado colaborador, somente para dizer que está investindo em capacitação. Para evitar essas situações, é importante saber que os cursos e workshops podem ser oferecidos de diversas maneiras e, com certeza, uma deve se encaixar nas suas necessidades e na de seus colaboradores.

Quais as opções de cursos e workshops?

A primeira opção é oferecer um treinamento com colaboradores internos. A capacitação pode ocorrer, inclusive, dentro da empresa, o que deve reduzir os custos, e é interessante para integrar membros de diferentes equipes, por exemplo. Esse treinamento pode servir para mostrar novos equipamentos, contar sobre novos projetos ou qualquer outro assunto que possa estimular seus funcionários.

Outra opção é contratar profissionais externos, como um especialista em determinado assunto, para que um curso, palestra ou workshop seja oferecido dentro da empresa. A principal vantagem dessa escolha é o contato com conhecimentos externos, que trarão novas experiências para os seus colaboradores.

Uma terceira — e ainda mais prática — opção são os treinamentos online. O ensino a distância, hoje em dia, já é tão interessante e bem estruturado quanto os cursos presenciais. Portanto, essa pode ser uma maneira simples e versátil de oferecer novos conhecimentos a seus funcionários. As plataformas online permitem que turmas sejam formadas em diferentes dias e horários ou até mesmo que os estudos sejam individualizados.

Ao planejar investir em capacitação como uma forma de retenção de talentos, tenha em mente que é interessante que toda a empresa seja envolvida. Claro que nem todos os profissionais precisam completar os mesmos estudos, o que, muitas vezes, não faz sentido, mas é importante que todos se sintam motivados e apoiados.

Além disso, quando todos recebem novos conhecimentos, os assuntos podem ser debatidos, e isso acaba gerando ainda mais engajamento. O diálogo entre uma equipe e também entre os diferentes setores de uma empresa é sempre importante para que o trabalho seja bem executado do começo ao fim.

A interação entre os funcionários cria um clima amistoso e, a partir disso, é mais fácil implementar estratégias para a retenção de talentos.

Quais estratégias de retenção de talentos você usa em sua empresa? Já experimentou oferecer cursos e workshops para motivar seus colaboradores? Deixe um comentário nesta publicação para contar como lida com esse assunto na sua organização!

 


Este artigo foi escrito pelo Convenia, uma HR Tech especializada em folha de pagamento, departamento pessoal e benefícios. As soluções são todas em nuvem, com o objetivo de desburocratizar o setor de RH e departamento pessoal, facilitando toda a gestão para que os gestores tenham tempo para o que mais importa: pessoas.