Uma nova década está começando e, junto dela, diversas estratégias de engajamento que se consolidarão no mundo dos eventos. O início do ano é uma ótima oportunidade para que os organizadores de eventos consigam repensar a maneira como criam a experiência das suas produções. Por isso, queremos te ajudar a entender melhor a importância de manter seus clientes positivamente envolvidos.

Ao adotar elementos estratégicos no seu evento, causar um impacto significativo nos participantes se torna muito mais fácil e interessante. Seguindo as dicas que daremos a seguir, você conseguirá cativar a atenção dos seus clientes, conectando-os em um nível emocional para que se tornem verdadeiros fãs do seu evento e da sua marca.

Quer saber como? Continue lendo! :)

Por que você deve investir em estratégias de engajamento

Criar estratégias de engajamento para despertar o interesse do seu público-alvo durante todas as etapas da sua produção desde a divulgação até o pós-evento é uma das maneiras mais eficazes de conquistar clientes fiéis. E não é este o desejo de toda marca?

Clientes fiéis advogam pela marca, se envolvem emocionalmente com suas ações e, o mais importante, a recomendam para outras pessoas da sua rede de contatos. Um exemplo de como essa forma de divulgação tem funcionado bem nos últimos anos é o sucesso dos influenciadores digitais no chamado marketing de influência.

Quantas vezes você já pensou em comprar algo porque um(a) produtor(a) de conteúdo que você segue e confia indicou um produto ou experiência por meio das redes sociais? Sendo um anúncio pago uma divulgação espontânea, a confiança que os seguidores sentem por aquele influenciador se torna um fator decisivo para que eles sigam sua recomendação e adquiram aquele serviço. 

De acordo com um artigo publicado pela revista Entrepreneur, em 2017, 92% dos consumidores confiaram mais em recomendações de produtos feitas por indivíduos do que por marcas. 3 anos antes, a Forbes também já havia se pronunciado sobre o assunto: “O marketing inspirado pelo boca a boca gera mais que o dobro de vendas em comparação com propaganda. Além disso, os consumidores têm uma taxa de retenção 37% maior”.

Sabendo disso, você, como produtor, deve abraçar as ferramentas de engajamento disponíveis para encantar os participantes do seu evento e torná-los influenciadores em suas próprias redes! Com esse investimento, você conseguirá conquistar clientes que poderão divulgar, compartilhar e se recordar daquela experiência incrível, inclusive quando você quiser apostar em uma nova edição. 

Use a tecnologia a seu favor!

De acordo com a mesma pesquisa da Entrepreneur, 74% dos consumidores usam as redes sociais em suas decisões de compra – e você não pode ignorar este dado ao pensar em suas estratégias de divulgação e engajamento!

Independentemente do evento que você está produzindo, a tecnologia é uma ferramenta que irá acompanhar a maioria das suas estratégias. Porém, é importante se lembrar de que diferentes tipos de eventos exigem diferentes estratégias, sempre de acordo com seu público-alvo. 

Seja pela divulgação nas redes sociais, pelo uso de chatbots, de pulseiras de RFID – modelo bastante utilizado em festivais para entrada e compra de comidas e bebidas – ou de outras tecnologias que estão em alta no momento, lembre-se de focar no que irá cativar mais o seu público em específico. Para tomar essa decisão, você precisará conhecê-lo bem, entendendo em quais redes ele está mais ativo, como costuma se envolver em outros eventos do segmento e quais são suas expectativas em relação à sua produção.

Uma boa forma de descobrir as preferências de um público é perguntando aos convidados suas dúvidas por meio de enquetes ou formulários no momento da compra de ingressos. Com o resultado de pesquisas como essas, você conseguirá criar uma experiência cada vez mais personalizável para os participantes, dando voz a eles e abertura para cocriarem o evento com você. Fica bem mais fácil agradar ouvindo o que eles têm a dizer, não acha? 

Você também pode utilizar a tecnologia para criar estratégias de engajamento comprovadamente eficazes, como:

  • Divulgação de hashtag exclusiva para o evento;pu
  • Teasers e vídeos promocionais no YouTube;
  • Canal direto de feedback;
  • Promoções e sorteios de ingressos por meio das redes sociais;
  • Peças gráficas e ações focadas na “viralização”;
  • Anúncios pagos;
  • Divulgação por meio de influenciadores;
  • Divulgação e venda de ingressos online;
  • Muito mais!

#DicaSympla: Com um hotsite personalizado, você pode divulgar e disponibilizar os ingressos do seu evento em uma plataforma de vendas online. Conheça a Sympla e utilize tecnologia de ponta para criar sua experiência inesquecível com a gente!

Tendências de engajamento em eventos para 2020 

1. Mostrar os bastidores do evento

Uma das melhores formas de engajar seu público é fazer com que ele se sinta parte da construção do evento que você está promovendo, em uma relação horizontal entre a organização e os participantes. 

Uma das maneiras de construir essa relação é compartilhando pelas redes sociais, por exemplo, o dia a dia da montagem de palcos de um festival ou show, os ensaios de uma peça de teatro, entre outros. O ponto principal é que você consiga fazer com que os participantes se sintam cada vez mais parte daquela experiência, não só vendo de perto mas também ajudando a decidir o que acontece antes, durante e depois. 

2. Acessibilidade e inclusão

Não é suficiente pensar em um lugar incrível e com ótimas atrações para o seu evento sem considerar as necessidades e limitações de cada possível participante. Por isso, se você deseja reunir o maior número de pessoas dentro do seu público-alvo, é claro e ainda ganhar a admiração do restante, considere as dicas a seguir:

  • Entenda as limitações do público em relação à tecnologia antes de empregá-la. O que para uns pode ser simples, para outros pode ser um impeditivo;
  • Garanta que todo o ambiente seja acessível para pessoas com deficiência, incluindo rampas, camarotes exclusivos, materiais em braile, tradução simultânea etc.;
  • Se seu evento fornecer ou vender alimentos, lembre-se de pessoas com dietas restritivas, como vegetarianos e alérgicos;
  • Tenha políticas explícitas de intolerância a atos de LGBTQfobia, racismo e sexismo;
  • Inclua mulheres, pessoas não-brancas e todo o tipo de diversidade em suas palestras/palcos e na produção do evento como um todo. As pessoas engajam mais quando se veem representadas :)

Seguindo essas dicas, você conseguirá proporcionar uma experiência completa e personalizada para cada um dos clientes, mostrando que as diferenças não são um impeditivo para fazer parte deste momento incrível que você está proporcionando. 

Porém, é importante ter muita atenção às ações desenvolvidas com esse cunho. O público está cada vez mais engajado com causas humanitárias, ambientais e sociais, o que o torna mais exigente com as marcas que consomem, e um deslize pode gerar uma crise para o seu negócio. 

3. Experiências sensoriais 

Você já sabe que quanto mais engajadas as pessoas estiverem, mais elas se lembrarão do seu evento. Mas uma informação que você talvez ainda não saiba é que as experiências sensoriais aumentam a memorização dos participantes ao despertar sentimentos positivos nelas, como boas lembranças e deslumbramento.

Por isso, explorar novas maneiras de cativar a atenção no seu evento e impactar seu público é um movimento que só tende a crescer, e é possível fazê-lo de diversas maneiras. Para criar experiências sinestésicas em suas produções, você pode usar recursos que estimulem os 5 sentidos e ajudem a criar memórias únicas, como:

  • Cores;
  • Ambientação; 
  • Iluminação;
  • Buffet;
  • Músicas;
  • Aromas;
  • E muito mais.

Na utilização de cada um deles, é importante ter sempre em mente o objetivo do evento para fazer com que eles trabalhem junto com todos os outros elementos em prol de tal propósito. 

Por exemplo: se seu objetivo é fazer uma palestra na qual todos participem ativamente e estejam bem concentrados, você pode utilizar luzes azuis frias, que estimulam a produtividade. Além disso, você pode montar um ambiente que fuja do tradicional estilo de palestra – aquele com cadeiras enfileiradas e viradas para o palestrante –e organizar um coffee break com alimentos que deem energia aos participantes.

4. Festivalização

Festival Coachella (Indio, EUA) | Fonte: Divulgação

 

É impossível falar de experiências sinestésicas sem lembrar dos festivais, que unem elementos essenciais do entretenimento – como música, gastronomia e tecnologia – para criar um ambiente imersivo e memorável para os participantes. 

Portanto, não importa se você irá fazer um evento corporativo ou de entretenimento, existem diversos elementos que podem servir de inspiração em festivais como Rock In Rio, Lollapalooza ou Coachella, como:

  • Entretenimento para intervalos, como brinquedos e locais de descanso;
  • Uso de pulseiras com tecnologia RFID para compra de alimentos e bebidas;
  • Atrações simultâneas divididas por estilo;
  • Ambientes instagramáveis;
  • Espaço exclusivo para crianças;
  • Brindes que são a cara do público \o/

#DicaSympla: Descubra as 7 lições sobre experiência que aprendemos com o Rock in Rio

5. Ser especialista no seu nicho

Por fim, não há nada que faça com que seu público se engaje mais com seus eventos do que ser uma referência no mercado, levando confiança a todos que se depararem com sua marca. Para isso, é necessário estar sempre em busca de inovação, observando as necessidades dos seus clientes e os movimentos da concorrência.

Você pode utilizar o marketing de conteúdo como uma das estratégias para mostrar que possui autoridade e conhecimento no que está dizendo, além de estar sempre ativo nas redes sociais e em eventos do seu segmento. O importante é saber sobre o que está falando e fazer com que seu público reconheça isso. \o/