Vitrines chamativas já te fizeram entrar em lojas pelas ruas ou no shopping, até mesmo quando você não precisava do que estava sendo exibido ali? Se sua resposta for sim, você já deve entender um pouco da importância de investir na sua página de vendas, não é mesmo? 

Assim como as vitrines no mundo físico, as páginas de vendas online são um dos primeiros e mais decisivos contatos que seu possível comprador tem com um produto seja ele um curso, um e-book, um evento ou qualquer tipo de produto/serviço que você tenha a oferecer. Não importa o que será, e sim como você irá apresentar o valor que existe nele.

E você, já sabe como criar uma página de vendas de maneira estratégica, realmente voltada para o que seu público quer consumir? Spoiler: uma página só com nome, breve descrição e preço não é a resposta certa! Continue lendo para descobrir qual é :)

Sua página de vendas é sua vitrine online

Antes de tudo, é importante que você veja sua página de vendas como sua própria vitrine, só que em formato virtual. E, para entender melhor a dimensão do seu possível alcance, é imprescindível ter em mente que você estará disputando a atenção de compradores com outras vitrines do mundo todo, e não só com as de uma única rua. 

Nesse caso, a grande concorrência pode até ser vista como um empecilho, mas não se esqueça que a ausência de limites geográficos também influencia no alcance de quem tem interesse em você. ;)

Ou seja, você precisa se destacar ainda mais meio a concorrência para alcançar pessoas, independentemente de onde elas estejam. Portanto, ao construir sua página de vendas, foque sua atenção aos 5 itens abaixo:

  1. Passe credibilidade para os visitantes;
  2. Siga uma identidade visual coerente e objetiva;
  3. Desenvolva a proposta de valor do seu produto;
  4. Traga soluções para as dores do seu público-alvo;
  5. Foque na conversão!

Pensando nesses itens, confira as dicas a seguir e as aplique da maneira que mais faça sentido de acordo com seu produto, proposta e marca:

5 dicas práticas para construir uma página de vendas de sucesso

1. Escolha um título chamativo

Apesar de parecer algo simples, a escolha do título do conteúdo é um dos passos mais importantes para prender a atenção do visitante, já que ele costuma ser a primeira informação que procuramos ao ter contato com um conteúdo online. 

Por isso, é importante escolher um nome que seja atrativo para o seu público-alvo e que, ao mesmo tempo, seja objetivo. Dessa forma, evite utilizar títulos muito genéricos, que não deixem claro o nível de dificuldade ou de aprofundamento do conteúdo, por exemplo. Procure passar o máximo de informação possível, mas sem exageros, ok? 

Por exemplo: imagine que você é uma chef de cozinha já conhecida que queira disponibilizar um curso de culinária iniciante para interessados ou já adeptos da dieta vegetariana. Uma boa opção de título poderia ser: 

Cozinha vegetariana para iniciantes com a chef Ana, do restaurante Fogão à Lenha

Com esse título, você conseguiria passar ao leitor o nível de dificuldade do conteúdo, o nicho ao qual ele se destina, além de passar credibilidade e autoridade pelo seu nome e local de trabalho já conhecidos.

Se você quiser aprofundar ainda mais na otimização dos textos da sua página, pode fazer pesquisas de palavras-chave em ferramentas gratuitas como o Ubbersugest, por exemplo, para descobrir os termos mais buscados no Google pelo seu público.

#DicaSympla: Desenvolver um bom título irá ajudar seu conteúdo a ter melhores resultados de pesquisa, tanto nos buscadores quanto no site da Sympla. 

Colocar um subtítulo é opcional, mas você também pode usar essa opção para ajudar nos resultados de pesquisa e para complementar a proposta do seu curso.

2. Preste atenção às imagens

Você sabia que as imagens da sua página de vendas têm um papel mais complexo do que só chamar a atenção do usuário por serem bonitas? 

Sua utilização pode ser mais uma forma estratégica de comunicar na sua página, passando credibilidade, compondo a identidade visual da sua marca e ajudando também na decisão de compra do usuário.  

Elas devem ser complementares ao texto escrito, mas sem poluir sua página. Portanto, não exagere no texto, e garanta que ele esteja legível em diversos formatos e tamanhos, como em celulares e tablets.

#DicaSympla: Para definir a imagem principal da sua página, é fundamental ficar atento às recomendações da plataforma que você escolheu. Nossa recomendação é da escolha de imagens com dimensões de 1600 x 838, nos formatos JPEG, GIF ou PNG.

Lembre-se de não escolher imagens com resoluções muito baixas, pois existe uma grande chance delas ficarem pixeladas, e nem muito altas, que acabem pesando sua página e diminuindo a velocidade de carregamento. Ou seja, tente encontrar um meio-termo para não atrapalhar a qualidade da sua divulgação.

3. Redija uma descrição atraente

A descrição é uma das partes mais importantes da sua página, já que ela irá trazer um resumo de tudo que seu produto tem a oferecer para seu potencial comprador. Por isso, ela deve ser pessoal, cativante, objetiva e, é claro, sincera!

Algumas dicas que podem te ajudar nessa construção são: 

  1. Faça perguntas sobre o produto para si mesmo antes de escrever;
  2. Comece a redigir dando contexto sobre aquele conteúdo;
  3. Enfatize os benefícios e as entregas práticas que ele irá trazer;
  4. Explique critérios de avaliação (se houver);
  5. Destaque o envio de certificados (se houver);
  6. Não exagere em letras maiúsculas, em caixa alta ou em parágrafos muito longos;
  7. Dê uma visão geral da estrutura do conteúdo (citando o nome dos módulos, por exemplo).

4. Diversifique suas inscrições

Configurar diferentes inscrições para o seu conteúdo é uma ótima maneira de atrair diferentes tipos de participantes com propostas de valor variadas. Mas você sabe o por quê? 

É simples: ao segmentar e atribuir diferentes níveis de oferta do seu produto, você consegue atingir desde quem tem interesse em um conteúdo mais básico (e mais barato) até quem deseja e pode pagar por uma experiência ainda mais completa!

Para isso, você pode criar inscrições com níveis de acesso específicos: desde uma inscrição mais básica, com acesso limitado ao conteúdo, até uma inscrição com vantagens exclusivas, como acesso a materiais complementares e suporte individual, por exemplo. 

Ah, e depois de decidir os tipos de inscrição, não se esqueça de escolher um nome para cada uma delas, ok? A dica é pensar da mesma forma que no título: foque no entendimento rápido que o participante precisa ter da proposta de valor daquela inscrição.

Portanto, deixe explícito se, com aquela inscrição, ele terá acesso ao conteúdo completo ou se é alguma inscrição especial com desconto, por exemplo. Depois, defina o preço de acordo com a entrega que você irá realizar em cada uma das inscrições. 

5. Não se esqueça de falar sobre você

Por último – mas não menos importante! – não se esqueça de falar sobre você ou sua marca dentro da sua página de vendas. Essa também é uma estratégia poderosa que irá ajudar a alavancar suas vendas.

Ao vender um produto baseado em um conhecimento ou uma expertise, contar um pouco sobre você e a sua empresa é uma forma de passar confiança e credibilidade para quem tem interesse no conteúdo, mesmo se você ainda não for tão conhecido no mercado quanto deseja. Inclusive, essa é uma forma de expandir ainda mais seu nome e ganhar visibilidade dentro do seu nicho.

Para te ajudar a desenvolver essa parte sobre você e sua marca, tente se colocar no lugar do seu possível comprador e refletir sobre o que seria interessante mostrar a ele para reforçar sua propriedade no assunto. 

Você pode adicionar links para redes sociais, para trabalhos anteriores ou para outros tipos de informações úteis. Utilize a imaginação e o bom-senso ao construir essa parte da sua página de vendas: seja objetivo, claro e procure passar a confiança que seu comprador deseja sentir de você :)

Gostou das nossas dicas? Não se esqueça de colocá-las em prática ao publicar seu curso online e fique de olho no nosso blog para mais conteúdos como esse!